Jovem tatua carta escrita pela avó de 85 anos diagnosticada com mal de Alzheimer

O estudante de jornalismo Leonardo Martins, de 19 anos, causou uma comoção nas redes sociais ao homenagear sua avó materna, diagnosticada recentemente com mal de Alzheimer, doença neurológica que provoca demência e perda de memória. O jovem tatuou na parte lateral de seu tronco uma carta que recebeu de dona Lurdes Moares, de 85 anos, há duas semanas, quando ele ingressou na faculdade de Comunicação Social. Leonardo publicou uma foto da tatuagem junto com um texto emocionado.

A publicação em sua página no Facebook, feita na última terça-feira, viralizou nas redes. Até esta quinta-feira, já havia ultrapassado 310 mil reações, além de 132 mil compartilhamentos e 60 mil comentários.

– Eu já tinha a ideia de fazer essa homenagem para minha avó. Mas quando descobrimos que ela tinha Alzheimer, com sintomas fortes, não pensei duas vezes e tatuei a carta. Ela é muito significativa para mim, foi a dona Lourdes quem me criou. Meus pais trabalhavam e não paravam – destaca Leonardo, que mora em São Paulo.

A tatuagem foi feita há duas semanas pelo especialista Drewaraujo, há sete anos no mercado. Para ele, casos como esses são emocionantes até para quem faz a tatuagem.

– Pessoas que trazem uma história diferente e sincera, sempre me deixam mais próximo delas, com a liberdade que cedem para mim. Acho que são pessoas que conhecem o que sentem e têm mais certeza daquilo que querem expressar no corpo. Desde nomes ou símbolos de entes queridos à digitais de pezinhos de bebês, há um motivo por trás – destaca o tatuador.

O jovem recebeu a carta ao ingressar na faculdade
O jovem recebeu a carta ao ingressar na faculdade

As informações são do Extra/Globo. 

Comentários