GS NOTÍCIAS – Portal Gilberto Silva
Esportes

“GOL DO PALMEIRAS AOS 54 NÃO DEVERIA TER SIDO VALIDADO”, DIZ JORNAL URUGUAIO

Com gol aos 54 minutos do segundo tempo, o Palmeiras derrotou o Peñarol (3 a 2), na noite da última quarta-feira, no Allianz Parque, e reassumiu a liderança do Grupo 5 da Copa Libertadores, com sete pontos ganhos. O gol sofrido pelos carboneros no último lance da partida motivou questionamentos do jornal uruguaio “El Pais”.

“Um gol repleto de polêmica. O terceiro gol do Palmeiras deveria ter sido válido? Foi dentro do tempo regulamentar? O árbitro não deveria ter terminado antes?”, questionou a publicação em sua capa de esportes.

 Com gol aos 54 minutos do segundo tempo, o Palmeiras derrotou o Peñarol (3 a 2), na noite da última quarta-feira, no Allianz Parque, e reassumiu a liderança do Grupo 5 da Copa Libertadores, com sete pontos ganhos. O gol sofrido pelos carboneros no último lance da partida motivou questionamentos do jornal uruguaio “El Pais”.

“Um gol repleto de polêmica. O terceiro gol do Palmeiras deveria ter sido válido? Foi dentro do tempo regulamentar? O árbitro não deveria ter terminado antes?”, questionou a publicação em sua capa de esportes.

No infográfico, o jornal destacou que inicialmente o árbitro Roddy Zambrano deu cinco minutos de acréscimo, e que no segundo minuto, precisou paralisar por três minutos a partida para expulsar o palmeirense Dudu e o técnico do Peñarol, Leonardo Ramos. Assim, o equatoriano acresceu mais três minutos, prometendo levar a partida até aos 98 minutos (53 do segundo tempo). Contudo, Fabiano fez o gol da vitória palmeirense, aos 54 minutos e 12 segundos, já com o tempo regulamentar esgotado.

“O encontro deveria ter finalizado aos 98 minutos e o gol foi aos 99 min e 12 seg. Antes do escanteio o Palmeiras havia desperdiçado uma chance que poderia ter decretado o fim da partida. O gol não deveria ter sido validado já que esteve fora do tempo regulamentar”, encerrou a publicação.

O jornal La Republica” evitou culpar o árbitro pelo gol sofrido pelo Peñarol no lance final da partida, mas destacou que a derrota foi injusta e projetou clima de revanche no jogo de volta.

“Vendo a partida com ‘olhos uruguaios’ poderíamos dizer que não foi justo o resultado pelo que lutou e jogou o Peñarol. Na semana que vem jogam Peñarol x Palmeiras no Campeão do Século. O povo carbonero clama pela revanche”, escreveu o jornalista no encerramento da crônica do jogo. Com o resultado, o time uruguaio permaneceu na terceira colocação, com apenas três pontos ganhos.

Foto: Reprodução/La Republica

O jogo:

O Peñarol saiu na frente do placar aos 31 minutos do primeiro tempo, com gol de Ramon Arías. Na etapa final, o Palmeiras teve início fulminante e com apenas cinco minutos conseguiu a virada com Willian e Dudu. Borja desperdiçou pênalti e a chance de ampliar a vantagem alviverde. O castigo veio aos 30 minutos. Gastón Rodriguez deixou tudo igual. O Verdão lutou até o fim e foi premiado com a vitória aos 54, com gol de cabeça de Fabiano.

http://torcedores.com/

Postagens relacionadas

Flamengo perde para Athletico-PR; Internacional dispara na liderança

Gilberto Silva

Fluminense fica no empate com o Flamengo e passa à final da Taça Rio

Gilberto Silva

Final do Carioca no SBT provoca chuva de memes; veja

Gilberto Silva

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia Mais

Política de Privacidade e Cookies