GS NOTÍCIAS – Portal Gilberto Silva
Tocantins

27° unidade do Colégio Militar é implantado em Buriti do Tocantins

O Governo do Tocantins, por meio da Secretaria da Educação (Seduc) e da Polícia Militar (PM), realizou nesta sexta-feira, 25, consulta pública com a comunidade escolar de Buriti do Tocantins para implementação da metodologia dos Colégios Militares no Colégio Estadual Buriti. A implantação foi aprovada por unanimidade pela comunidade escolar.

O governador em exercício do Tocantins, Wanderlei Barbosa, falou da alegria em implantar mais uma unidade do Colégio Militar no Estado. “Toda a comunidade irá se beneficiar com essa conquista, mas principalmente os jovens, pois terão a oportunidade de aprender muito com a disciplina dos militares e isso irá refletir no desenvolvimento da educação”, destacou.

O titular da Seduc, Fábio Vaz, ressaltou o compromisso do Governo do Tocantins em atender as demandas dos municípios. “A educação é prioridade dessa gestão. Estamos investindo na valorização dos nossos servidores e na melhoria da qualidade da educação para que nossos estudantes e profissionais possam desenvolver suas atividades pedagógicas de forma adequada. É desta forma que vamos transformar a educação no Tocantins”, frisou.

Comunidade

Anna Jhulya da Rocha Almada, 16 anos, estudante da 3° série do ensino médio, disse que está muito feliz com a implantação da metodologia militar. “Com certeza iremos alcançar ainda mais resultados, pois acredito que essa nova disciplina será fundamental para que nossos objetivos sejam alcançados”, pontuou.

O senhor Raimundo Pereira da Silva, que finalizou seus estudos em 2010 no Colégio Estadual Buriti e é pai do Uriel Ferreira da Silva, 14 anos, estudante do 2° ano do ensino médio na unidade escolar, também destaca a disciplina como maior ganho. “Eu, como ex-aluno e pai de estudante dessa instituição, acredito que toda a comunidade de Buriti vai ganhar com a implantação desse colégio militar, pois nossos jovens aprenderão ainda mais a lutar pela realização dos seus sonhos, como por exemplo, ingressar numa faculdade”, relatou.

Colégio Estadual de Buriti

O Colégio Estadual de Buriti foi criado em 1978 e, atualmente, atende a estudantes do ensino médio. A partir de 2019, a unidade de ensino tornou-se escola de tempo integral, aderindo ao Programa Jovem em Ação, passando a atender 178 estudantes.

Colégios Militares

Os Colégios Militares trabalham em sala de aula a metodologia adotada por todas as escolas da rede estadual, e as atividades são desenvolvidas pelos profissionais da rede de ensino. O diferencial está no apoio da Polícia Militar no que tange à parte administrativa e o trabalho de questões comportamentais e da disciplina com os estudantes.

Com esta nova unidade, o Tocantins passa a contar com 27 colégios militares, distribuídos nos seguintes municípios: Araguaína, Arraias, Araguatins, Augustinópolis, Araguaçu, Colinas do Tocantins, Dianópolis, Taguatinga, Alvorada, Gurupi, Palmeirópolis, Guaraí, Miracema, Palmas (três), Cristalândia, Paraíso do Tocantins, Porto Nacional, Pindorama, Aliança do Tocantins, Colmeia, São Miguel do Tocantins, Natividade, Paranã e Buriti do Tocantins.

 

Titular da Seduc ressalta o compromisso do Governo do Tocantins com a Educação – Marcio Vieira/Governo do Tocantins file_download

Anna Jhulya da Rocha Almada, estudante da 3ª série do ensino médio, está feliz com a implantação da metodologia dos colégios militares – Marcio Vieira/Governo do Tocantins file_download

Raimundo Pereira da Silva, pai do estudante Uriel Ferreira da Silva, destaca a disciplina como maior ganho – Marcio Vieira/Governo do Tocantins file_download

 

ATN TO

Postagens relacionadas

Araguaína alerta para grande número de jovens infectados pela covid-19

Gilberto Silva

Antonio Andrade fala com jornalistas sobre a saída do PTB e o futuro político

Gilberto Silva

Araguaína – Homem que deu celular sem nota para mulher só queria agradá-la

Gilberto Silva

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia Mais

Política de Privacidade e Cookies