GS NOTÍCIAS – Portal Gilberto Silva
Tocantins

Bebê morre asfixiado e Polícia suspeita que mãe tenha dado cocaína

Um bebê de apenas um mês morreu asfixiado na madrugada deste sábado (4), em Palmas, após a mãe supostamente dormir e rolar para cima dele. Taynara Siel Lemos, de 20 anos, foi presa em flagrante por homicídio doloso qualificado, quando há intenção de matar. A delegada Jacqueline Coimbra, informou que a mulher confessou ter consumido bebida alcóolica e cocaína durante a noite. Além disso, há a suspeita de que ela deu a droga para o menino.

A delegada informou que tem essa suspeita porque o menino estava com as narinas inchadas, que é um indício do uso da droga. Por causa disso ela pediu exame toxicológico do bebê, que se chamava Davi Emanuel e ainda não foi registrado.

A mulher foi presa na tarde deste sábado no bairro Aureny III, na região sul de Palmas. Ela mora em Gurupi, no sul do estado, e estava na capital para visitar o pai do menino, que está preso na Casa de Prisão Provisória de Palmas (CPP).

Taynara Siel disse à polícia que não conseguiu ver o companheiro e iria voltar para Gurupi, mas durante a noite consumiu as drogas com uma outra mulher. Quando acordou, encontrou o menino sem vida. Ela alega que foi um acidente e nega ter dado cocaína para o menino.

Ainda segundo a polícia, a jovem tem ficha criminal por roubo e um registro de aborto. Ela foi levada para o Instituto Médico Legal (IML) de Palmas e depois para a Unidade Prisional Feminina de Palmas.

Mulher foi levada para o IML para fazer exames (Foto: João Guilher Lobaz)

G1/TO

Postagens relacionadas

Foragido da justiça tenta fugir de barreira no Barra da Grota mas é capturado com ajuda de Cão farejador

Gilberto Silva

4ª CIPM capacita 100% de seu efetivo para o uso das pistolas Glock

Gilberto Silva

Governo do Tocantins inicia, no Bico do Papagaio, um mutirão para manutenção de rodovias estaduais

Gilberto Silva

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia Mais

Política de Privacidade e Cookies