GS NOTÍCIAS – Portal Gilberto Silva
Tocantins

Pesquisa do Procon Tocantins aponta variação de 84% nos preços dos chocolates de Páscoa

O Procon Tocantins realizou pesquisa de preço em seis estabelecimentos de Palmas de diversos tipos de chocolates que são comercializados na Páscoa. A variação encontrada foi de até 84,70%.

Ao todo, foram pesquisados os preços de 44 itens na segunda e nesta terça-feira,  11 e 12 de abril, de ovos de páscoa, caixas de bombons e colomba pascal.

O maior percentual de variação de preços foi de 84,70%, referente ao ovo de Páscoa Diamante Negro de 176 gramas, vendido entre R$ 24,90 e R$ 45,99. Na sequência, uma variação de 80,20%, foi registrada na venda do chocolate Bis de 126 gramas, comercializado entre R$ 3,99 e R$ 7,19. E a terceira maior variação, de 76,56%, foi a da caixa de Bombom Sortidos de 250 gramas, vendida entre R$ 8,49 e R$ 11,99, nos comércios pesquisados.

Atenção 

“É válido ressaltar que os valores apontados nesta pesquisa do Procon Tocantins, se referem aos encontrados no dia em que o levantamento foi realizado. Portanto, é possível que, no momento da compra, o consumidor possa se deparar com alteração, por conta de eventuais descontos, ofertas, promoções e reajustes”, destacou o gerente de Fiscalização, Magno Silva.

O objetivo da pesquisa é permitir que o consumidor possa decidir, de casa, qual o local que oferece um preço mais acessível. Além disso, a expectativa do Procon, ao divulgar a pesquisa, é a de estimular que os estabelecimentos comerciais reduzam o preços dos produtos vendidos na Páscoa.

Fique atento

O Procon Tocantins orienta que o consumidor faça uma comparação entre os preços em diferentes estabelecimentos e também considere a relação entre qualidade, peso e preço do item a ser adquirido.

O órgão também alerta para que o consumidor observe algumas informações que são obrigatórias na embalagem, como prazo de validade, composição e peso líquido do produto. Nos ovos que contêm brinquedos, deve-se verificar na embalagem se está estampada a frase Atenção: contém brinquedo certificado no âmbito do Sistema Brasileiro da Avaliação da Conformidade. Também é obrigatória a indicação de faixa etária ou, se for o caso, frase que informe que não existe restrição de faixa etária.

O brinquedo deve ter o selo do Inmetro em sua embalagem, identificação do fabricante (nome, CNPJ, endereço), importador (caso o brinquedo seja importado), instruções de uso e de montagem, e eventuais riscos que possam apresentar à criança.

 

ATN TO

Postagens relacionadas

Polícia Militar captura homem subtraindo produtos de uma conveniência em Araguaína

Gilberto Silva

Operação realiza a abordagem de mais de 250 veículos

Gilberto Silva

Operação Conjunta de combate ao tráfico de entorpecentes resulta na prisão de suspeitos e apreensão de drogas em Arraias

Gilberto Silva

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia Mais

Política de Privacidade e Cookies