Polícia Civil do Tocantins começa a investigar o caso do menino de 10 anos que morreu com corda de rede enrolada no pescoço

O fato aconteceu às 19h20 desta terça-feira, 12, em uma chácara localizada na zona rural do município de Campos Lindos/TO, onde, segundo informações de familiares, um menino de 10 anos estava brincando com outras crianças em um quarto e enrolou uma corda em seu pescoço, provocando seu enforcamento.

As outras crianças gritaram pelas suas mães, dizendo que o garoto vitimado, teria se enforcado com a corda da rede e já estava morrendo, ocasião em que o padrasto da vítima entrou no quarto e ajudou a desatar a corda do seu pescoço, mas a criança não resistiu e evoluiu a óbito.

A Polícia Civil de Campos Lindos abriu investigação para apurar a morte do menino, que foi identificado como Alex Nascimento Santos Lira.

Segundo o delegado Gustavo Toledo, os pais contaram que estavam num poço dando banho nos sete filhos, quando Alex e uma irmã mais nova foram até a casa buscar um par de chinelos. No local, o menino teria feito uma brincadeira e enrolado a corda no pescoço.

A irmã mais nova voltou para o poço, mas não soube falar exatamente o que tinha acontecido. No momento, a mãe pediu o filho mais velho para verificar a demora de Alex. Foi ele quem percebeu o que tinha acontecido.

“A princípio, há a possibilidade de ter sido acidental. Recebemos a informação de que se tratava de uma fatalidade. Mas abrimos um inquérito para apurar se há indícios de crime”, informou o delegado.

O corpo de Alex foi levado para o IML de Araguaína. A perícia foi chamada para ir ao local colher provas e auxiliar na apuração do fato.

Ascom: 2º BPM/G1

Comentários

Acesso em 18/08/2019 16:09.
Link: http://portalgilbertosilva.com.br/noticias/tocantins/policia-civil-do-tocantins-comeca-a-investigar-o-caso-do-menino-de-10-anos-que-morreu-com-corda-de-rede-enrolada-no-pescoco/.