GS NOTÍCIAS – Portal Gilberto Silva
Tocantins

Tocantins – Empresa de transporte que dificulta gratuidade para idosos pode pagar indenização de até R$ 1 milhão

O Ministério Público Estadual (MPE) ingressou, nesta quarta-feira, 1º, com ação civil pública contra a empresa Capitaltur Transportes e Turismo Eireli visando garantir aos idosos com idade a partir de 65 anos a gratuidade no transporte público entre os municípios de Palmas, Lajeado, Tocantínia e demais cidades que integram a Região Metropolitana de Palmas.

A ação foi motivada por reclamações de idosos, que relataram não conseguirem usufruir de seu direito à gratuidade no transporte semiurbano. Segundo as reclamações, vários empecilhos são colocados pela empresa, como a exigência de registro pessoal em órgão público e de agendamento prévio da viagem, o que acaba por forçar os idosos a comprar suas passagens. Também há relatos de situações de constrangimento impostas aos idosos pelos funcionários da Capitaltur.

Na ação judicial, o Promotor de Justiça João Edson de Souza requer que se determine como pré-requisito para a concessão do bilhete gratuito apenas a apresentação de qualquer documento válido que comprove a idade mínima de 65 anos, como Carteira de Identidade ou Carteira de Trabalho. Nesse sentido, é solicitada à Justiça a concessão de liminar que imponha essa obrigação imediata, sob pena do pagamento de multa de R$ 10 mil em caso de descumprimento.

Também é requerido que a empresa seja condenada por danos morais coletivos, devendo pagar R$ 1 milhão de indenização. O MPE orienta que o recurso seja direcionado a ações em favor dos idosos, a serem desenvolvidas pelos municípios de Lajeado e Tocantínia.

A Promotoria de Justiça de Tocantínia, que propôs a ação civil pública, chegou a firmar anteriormente um Termo de Ajustamento de Conduta com a empresa de viagens Capitaltur Transportes e Turismo Eireli, mas esta não cumpriu com o acordo e prosseguiu dificultando a concessão da gratuidade para os maiores de 65 anos.

Postagens relacionadas

Taxista tem parte do nariz arrancado por passageiro durante corrida em Palmas

Gilberto Silva

Detento é assassinado dentro do presídio Barra da Grota em Araguaína

Gilberto Silva

MPTO ajuíza ação de improbidade contra diretora de escola de Araguaína

Gilberto Silva

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia Mais

Política de Privacidade e Cookies