Autor: mariaclaramatos

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (21) um projeto de lei que obriga a divulgação da lista de pacientes em espera para procedimentos cirúrgicos eletivos (não emergenciais) no Sistema Único de Saúde (SUS).Segundo o texto, a divulgação deverá ser feita pelo governo, em portais da internet. A fila deverá contar com a posição de cada paciente e a data do agendamento do procedimento. Como o projeto foi alterado pelos deputados, ele precisará retornar ao Senado antes de seguir à sanção do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).Segundo o Ministério da Saúde, em novembro de 2023, mais de 1…

consulte Mais informação

O secretário de Estado dos Estados Unidos, Antony Blinken, chegou ao Brasil na noite desta terça-feira (20) para se reunir com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), em Brasília, e participar de reunião de ministros das Relações Exteriores do G20, no Rio de Janeiro.O chefe da diplomacia dos EUA desembarcou na Base Aérea de Brasília às 20h30 e foi recebido, em tapete vermelho, pelo representante do protocolo do Itamaraty, Orlando Timpone, pelo chefe do departamento da América do Norte do Itamaraty, Cristiano Figueiredo, e pela Embaixadora dos EUA no Brasil, Elizabeth Bagley. Na quarta-feira (21), Lula e Blinken…

consulte Mais informação

O embaixador Maurício Lyrio, secretário de Assuntos Econômicos e Financeiros do Itamaraty e representante do G20 do Brasil, negou, nesta terça (20), que o protagonismo adquirido pelo Brasil no conflito entre Israel e o Hamas, devido a declarações do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, comprometa a agenda do Brasil para o bloco que reúne as 20 principais economias do mundo.Às vésperas da primeira reunião de ministros das Relações Exteriores desde o início da presidência brasileira no G20, assumida em dezembro, Lyrio foi questionado, em coletiva de imprensa, sobre a possibilidade de que as declarações de Lula ofusquem a propostas…

consulte Mais informação

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou, nesta terça-feira (20), o seguimento de um pedido da defesa do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) que pedia o afastamento do ministro Alexandre de Moraes do inquérito que apura uma suposta tentativa de golpe de Estado e a abolição do Estado Democrático de Direito.A decisão é de caráter monocrático e responde a uma Arguição de Impedimento da defesa do ex-presidente. A defesa de Bolsonaro argumentou que Moraes, ao acolher medidas cautelares que foram solicitadas pela Polícia Federal, reconheceu “sua condição de vítima dos episódio sob investigação”.Na decisão, Barroso afirmou que…

consulte Mais informação

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou maioria para condenar mais 15 réus acusados de serem os executores dos ataques às sedes dos Três Poderes no dia 8 de janeiro, em Brasília.Até o momento, seis ministros seguiram o voto do relator, Alexandre de Moraes, a favor da condenação dos réus: Cármen Lúcia, Gilmar Mendes, Luiz Fux, Dias Toffoli, Cristiano Zanin e Edson Fachin. Ainda faltam votar os ministros Roberto Barroso, André Mendonça, Nunes Marques. Entretanto, Zanin e Fachin apresentaram ressalvas sobre as penas propostas por Moraes, que vão de 14 a 17 anos de prisão, além do pagamento em conjunto de…

consulte Mais informação

O Ministro da Secretaria de Comunicação Social, Paulo Pimenta, quebrou o silêncio para responder o ministro das Relações Exteriores de Israel, Israel Katz. Nesta terça-feira (20), o chanceler voltou a criticar o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).“Milhões de judeus em todo o mundo estão à espera do seu pedido de desculpas. Como ousa comparar Israel a Hitler?”, escreveu Katz, na plataforma X (antigo twitter). A resposta de Paulo Pimenta também veio pela rede social.“Em nenhum momento o presidente fez críticas ao povo judeu, tampouco negou o holocausto. Lula condena o massacre da população civil de Gaza promovido pelo…

consulte Mais informação

O Senado aprovou nesta terça-feira (20) o projeto de lei que prevê o fim da saída temporária de presos, conhecida popularmente como “saidinha”, em feriados. O texto retorna à Câmara dos Deputados.O placar entre os senadores foi de 62 votos favoráveis à proposta e dois contrários. Houve uma abstenção. A saída temporária é concedida pela Justiça como forma de ressocialização dos presos e manutenção de vínculo deles com o mundo fora do sistema prisional.Atualmente, a legislação permite o benefício a presos do regime semiaberto que já tenham cumprido o mínimo de um sexto da pena, se for primário, e um…

consulte Mais informação

A deputada federal Carla Zambelli (PL-SP), que lidera o movimento para protocolar um pedido de impeachment do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), decidiu adiar a petição.Previsto para acontecer nesta terça-feira (20), o pedido já conta com o apoio de 122 deputados — dos quais a maioria vem do Partido Liberal (PL). “O pedido já conta com 122 assinaturas, inclusive da base governista”, disse Zambelli em coletiva de imprensa sediada no Salão Verde da Câmara dos Deputados. A mobilização foi motivada por declarações do presidente em que comparou a atuação de Israel na guerra em Gaza ao holocausto nazista.Segundo…

consulte Mais informação

A ex-deputada Joice Hasselmann avalia retornar ao mundo político para a eleição municipal no final deste ano. “Estou dividida”, disse ela à CNN sobre a decisão.“Uma parte de mim não quer conviver de novo com essa gente. Mas por outro lado, se os bons não forem para cima, se não ocuparem os espaços, nada melhora”, disse. A ex-deputada conta que tinha pensado em tirar 2023 como um “ano sabático”, mas que partidos começaram a sondá-la para que se filiasse. “Resisti no começo, mas a política está no meu sangue”, afirmou.Ela avalia não saber ainda se vai voltar para o mundo…

consulte Mais informação

O presidente da Associação Brasileira dos Condutores de Veículos Automotores (Abrava ) disse à CNN que o segmento não vai parar no próximo dia 25 pelo ex-presidente Jair Bolsonaro (PL). “Não podemos deixar o segmento do transporte levar esse nome, essa projeção”, afirmou Wallace Landim, também conhecido como Chorão.Apesar da negativa, Landim reconheceu que grande parte da classe dos caminhoneiros apoia Bolsonaro. Mas acredita que isso não exclui a outra parte que não defende o ex-presidente. “Claro que o cidadão tem todo direito de se manifestar, vários caminhoneiros vão se manifestar, mas também temos uma parte que apoia a administração…

consulte Mais informação